Compartilhe: (11 mêss atrás)

Nova defesa de tese: Desenvolvimento de um sistema de medição de variação de volume total de amostras triaxiais nãosaturadas e avaliação do efeito de processos de saturação no comportamento de solos saprolíticos


Aluno

Taíse Monique de Oliveira Carvalho

Título
Desenvolvimento de um sistema de medição de variação de volume total de amostras triaxiais nãosaturadas e avaliação do efeito de processos de saturação no comportamento de solos saprolíticos
Data
31/08/2012
Horário
-
Sala
-
Área
Geotecnia
Curso
Mestrado
Banca
Tácio Mauro Pereira de Campos; Prof. Franklin dos Santos Antunes; Michéle Dal Toé Casagrande - DPUC-Rio; António Viana da Fonseca - FEUP; George de Paula Bernardes - UNESP – Guaratinguetá; Luiz Antonio Bressani - UFRGS; Sérgio Tibana - UENF

Resumo
Esta pesquisa apresenta um estudo sobre a influência de técnicas de saturação, empregadas em laboratórios comerciais e de pesquisa, no comportamento tensão-deformação-resistência de solos residuais quando submetidos a ensaios de compressão triaxial tipo CIU. Os solos avaliados são provenientes de litologias distintas e apresentam diferenças na composição mineralógica, grau de intemperismo e estrutura. Um dos solos pertence ao perfil de alteração de uma rocha alcalina encontrada no município de Tanguá-RJ. Os demais solos são oriundos das feições melanocrática e leucocrática de um migmatito da baixada fluminense (Duque de Caxias-RJ). A variação de volume total dos corpos de prova durante a saturação foi monitorada em alguns ensaios para auxiliar na interpretação dos resultados. Para tanto, foi desenvolvida uma câmara triaxial dupla com sistema de medida de variação de volume total de fácil montagem e custo reduzido, cujas características técnicas são competitivas com as existentes no mercado. O método de saturação que consiste na percolação de água por meio de sucção com baixa tensão confinante seguida de aumento contínuo e simultâneo de tensões (saturação automática) mostrou ser o mais adequado para o solo residual de rocha alcalina, que apresenta estrutura frágil, sem agentes cimentantes e com elevado índice de vazios. Já o solo residual de migmatito (feição melanocrática), que apresenta agentes cimentantes e elevada tensão de cedência, é menos susceptível à técnica de saturação, tendo seu comportamento afetado apenas pelo emprego da técnica de incremento único de contrapressão.